Sexta-feira, 10 de Novembro de 2006
RUMSFELD OUT....
As consequências da derrota eleitoral dos Republicanos nos Estados Unidos devem ter deixado muitos desconsolados por aí!

Tanta negociata que se vai perder, tantas portas que se fecham. Uma lástima!

tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 00:00
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 9 de Novembro de 2006
USS ENTERPRISE
Surgido do nevoeiro....USS_ENTERP02.JPG

tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 21:46
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

O INSURGENTE, 100NADA e MEMÓRIA VIRTUAL
O tempo tem sido muito escasso, mas finalmente actualizei três mudanças, duas delas pelos piores motivos, que vêm conduzindo ao esvaziamento da weblog:O Insurgente passou a ter site: O InsurgenteA Catarina mudou o 100nada: 100nadaO Lionel Vicente mudou-se também: Memória Virtual

tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 12:00
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

ENA PÁ, TANTOS AVIÕEZINHOS!
USS_ENTREP01.JPGUSS ENTERPRISE - LISBOA

tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 10:31
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 8 de Novembro de 2006
AS CHEIAS .... À PORTUGUESA
Enviado por Jorge AfonsoImagem impressionante do pânico revelado pela população com as chuvas torrenciais.Eles tomaram a atitude à portuguesa e meteram mãos à obra ... A preocupação está patente nos seus olhares e rostos.Impressionante!!!! cheias.JPG

tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 12:00
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

La salsa acaba con Fidel Castro
Via Unión Liberal Cubana1006-Dedwards-castro_72dpi.jpgUna radio de Miami, perteneciente a Univisión , entrevistó al artista Daniel Edwards, el creador de la estatua de Fidel Castro que iba a ser develada en Nueva York. La Kalle 98.3 FM, emisora dedicada íntegramente a la música salsa, abrió sus micrófonos y sus estudios para que algunas víctimas de la dictadura cubana hablaran directamente con el escultor. El resultado: un inesperado giro en la postura del artista que ha sustituido la actividad prevista para el próximo día ocho en el Central Park por otra en Miami, la capital de los cubanos exiliados, no para develar la imagen, sino para destruirla. Con emotivos mensajes de cubanos exiliados, unos tristes y otros de indignación, transcurrió una mañana donde un comprensivo artista pasó de ser “villano” a héroe. Daniel Edwards acabó por demostrar sensibilidad hacia las víctimas y optó por enviar su escultura a la comunidad de Miami y que sea dicha comunidad quien decida que hacer con la “cabeza” del dictador cubano. El conocimiento de la existencia de la estatua tuvo un amplio eco dentro de la comunidad cubana, que consciente de la ofensa que se le ocasionaba a familiares de decenas de miles de muertos por ese régimen, no podía tolerar que una imagen distorsionada del dictador se publicitara en el corazón de la ciudad que sufrió el peor atentado en la historia de los Estados Unidos. En España, lamentablemente no existe una repulsa generalizada contra uno de los peores dictadores del mundo. El propio presidente del gobierno, el Sr. Rodríguez Zapatero, hace escasos días fue capaz de recibir una camiseta con la imagen de Castro y el Che, y agradecer el presente diciendo que “ha sido un gran detalle”. Y es que esos “pequeños detalles” del gobernante español deberían ser suficientes para considerar la nula autoridad, moral cuanto menos, que tiene dentro del resto de Europa para influir en la problemática cubana. Europa debe restablecer y aplicar las sanciones a la dictadura cubana, que la gestión de un presidente insensible ha congelado. Un presidente europeo, agradecido por el regalo de una camiseta con imágenes de dos asesinos del pueblo por el que dice preocuparse, no debe tener ningún peso dentro de Europa, en cuanto a la responsabilidad de supuestamente influir en llevar la democracia a Cuba. El efecto que tuvo el relato de Jorge García, quien perdió 14 familiares en la Masacre del Remolcador 13 de Marzo, en el artista Daniel Edwards, sabemos que no se repetiría en el caso del gobernante español. La insensibilidad demostrada en estos años de gobierno, con respecto a las víctimas del terrorismo, no hace prever una reacción “comprensiva” de parte del Sr. Zapatero , la reacción sería más bien “comparativa”, como la que le hizo a una de las victimas cuando le contestó que él también había perdido un abuelo en la guerra civil española. La Kalle 98.3 FM, con una programación 100% de salsa, hizo una gran labor por la memoria de tantas víctimas del tirano. Tuvo de su parte la exposición razonada de algunas de ellas, pero sobre todo de la receptividad humana de un artista. Lo que logró esta radio de Miami debe ser agradecido por los cubanos. Luego de una mañana con el Sr. Edwards, podríamos afirmar que la estatua ya murió antes de ser presentada. La verdad, ignorada hasta este día por el artista, la destruyó. Oigan fragmentos de la entrevista a Daniel Edwards y el relato de algunas víctimas de la tiranía cubana que lograron hacer cambiar de opinión al escultor. Entre los cuales estuvo un sobreviviente de la http://www.cubaliberal.org/encuba/21072005-Represion_a_Familiares_de_victimas_Remolcador_13_de_Marzo.asp 13 de Marzo (Jorge García) , la cantante Albita, y desde Cuba, Guillermo Fariñas, entre otros. Así como intervenciones telefónicas de varios oyentes. Recomendamos oírlo en su totalidad. Clique aqui, para ouvir

tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 09:00
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 7 de Novembro de 2006
POEMA MANUSCRITO NAS FOLHAS BRANCAS DE UM LIVRO E LÁ ESQUECIDO - JORGE DE SENA
Não teimes, não insistas, não repitas,mas vive como quem, teimando, insiste,e, porque insiste, como que repete.Esse das sombras o silêncio fluidoescoando-se por ti quando não passas,parado que ouves, não mais é que o tempode hoje em que vives só alheias vidas,de ti alheadas qual de ti vividas.Por outro tempo te criaste impuro,difuso e firme, no clamor de versosque os tempos de hoje reconstroem comodelidas cartas um fogacho acendem.Outro que seja, é teu, pois o escutastena dor de apenas ser, na dor de ouvirquão desatentos menos homens sãoos homens todos. Teu, sem que teu seja,que destes e dos outros se faráserena ciência de possuírem tudoo que juntares para ser roubado,quando, parado no silêncio fluido,se escoava nele o próprio estar na vida,atento como estavas, poeta como erasdaquele ser não-sendo que eram todosem ti, dentro de ti, à tua volta.Jorge de Sena

tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 18:00
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

CLUBE DOS PENSADORES - Debate sobre CORRUPÇÃO - Dia 7 de Novembro
clubepensadores.jpgO Clube dos Pensadores realiza no Porto, dia 7 de Novembro, 3ªfeira, pelas 21.30h, no Hotel Egatur, um debate sobre CORRUPÇÃO com a presença de: PAULO MORAIS (professor universitário e antigo vice-presidente da CMP), FREDERICO VALARINHO (director da revista Focus) e JOAQUIM JORGE (biólogo e fundador do clube Tendo como lema o envolvimento da sociedade civil o convidado da plateia é César Costa (arquitecto)Abordar-se-á entre outros assuntos:1-Como tornar eficaz o combate à corrupção,e a responsabilização politica.2-Corrupção no poder local e financiamento dos partidos políticos3-A dotação de meios para a sua investigação.4-O dever de gratidão a quem faz denuncias sérias.5-Não confundir uma denúncia com a instrução de um processo-crime.6-O castigo exemplar dos prevaricadores.7-Uma verdadeira politica nacional de combate à corrupção.Neste 2ºciclo de debates já estiveram presentes: Manuel Alegre; Manuel Monteiro; Diogo Feio e João Teixeira Lopes que dissertaram respectivamente sobre: Cidadania e Formas de Participação Cívica; Partidos e Sistema Politico ; Melhorar a Educação em Portugal.

tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 12:00
link do post | comentar | favorito

ÀS VEZES É ASSIM....
O Sporting de Braga não jogou nada e marcou dois golos contra apenas um do Sporting. Foi só pena serem na própria baliza.

Mas também para quem ia jogar ao Alvaláxia, como declarou o treinador, de que é que estavam à espera? Ficaram baralhados, pensavam que iam para o centro comercial e acabaram a jogar no estádio!

tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 08:45
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 6 de Novembro de 2006
“A direita é mais sensível à questão da corrupção, do que a esquerda, que tem uma dependência crónica do aparelho de Estado”
Foram estas as palavras da Procuradora-Geral Adjunta Maria José Morgado, que arrancaram mais aplausos aos assistentes ao painel sobre “Corrupção em Portugal”, no IIIº Congresso da Nova Democracia.ND009.JPGModerado por Jorge Ferreira, o debate teve duas apresentações iniciais, por Maria José Morgado e pelo Deputado do Partido Socialista Engº João Cravinho autor de propostas legislação sobre o assunto que vão ser apreciadas em breve pela Assembleia da República.ND010.JPGMaria José Morgado começou por declarar que a luta contra a corrupção é uma guerra prolongada que se tem vindo a travar a nível internacional, sendo o controlo preventivo do risco de corrupção essencial. Citou o caso das ajudas financeiras ao terceiro mundo que são desviadas e que levaram já a que a luta anti-corrupção tenha passado a fazer parte dos programas de desenvolvimento.Apontou como principais factores de risco, a nível sócio-económico a persistência de uma sociedade de índole feudal, de que o chamado “caciquismo” é o principal expoente e a nível político uma sociedade excessivamente dependente do Estado, tendo este uma actuação a nível de adjudicações de concursos públicos que se pode classificar de opaca.ND013.JPGMaria José Morgado declarou também que a porosidade entre o poder político e a criminalidade organizada é cada vez maior, não sendo já possível ignorar este facto. Por isso, disse ser muito importante o surgimento do Projecto-lei do Engº Cravinho.Defendeu que deveria surgir uma cultura de prevenção da corrupção, eventualmente assumida pela Procuradoria Geral da república ou por um órgão constituído por magistrados, polícias e agentes económicos.Também disse que seria importante que o Procurador Geral da República divulgasse periodicamente os números e volumes de notificações relativamente a operações de branqueamento de capitais, de modo a se poder aferir a evolução deste combate ao longo do tempo.Terminou a sua intervenção chamando a atenção para o facto de que os custos da corrupção para o Estado e as pessoas são enormes.O Engº João Cravinho começou a sua intervenção defendendo a necessidade de um grande debate nacional sobre este assunto, declarando que “os portugueses estão plenamente convencidos da importância que a corrupção ganhou em Portugal”.Chamou a atenção para o perigo de “italianização” da vida política portuguesa e de que para o evitar era necessário agir rapidamente e não apenas através da repressão.ND019.JPGJoão Cravinho lamentou que não exista organização especializada em corrupção na Polícia Judiciária, Ministério Público e Tribunais – “pode haver especialistas, mas não há organização”.Apontou que o que falta na Administração Pública portuguesa é uma cultura de responsabilidade e responsabilização.Também indicou que seria necessário criminalizar o enriquecimento ilícito, o que já ocorre no estrangeiro.Seguiu-se um período de perguntas e respostas, em que a questão mais importante que foi levantada foi a de que talvez fosse meio caminho andado para a corrupção o comportamento de alguns políticos que saiem de ministros directamente para lugares de topo de empresas anteriormente tuteladas pelos ministérios onde estiveram.

tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 13:00
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


posts recentes

Testamento - Virgilio Piñ...

VISITA VIRTUAL AO TÚMULO ...

CHRIS GEOFFROY - A última...

BOLIVAR LUSÍADAS PROTAGON...

ANTÓNIO MEXIA - É SÓ COIN...

PROGRESSIVIDADE FISCAL

MENINAS E MENINOS DE OURO

CÂNTICO NEGRO - JOSÉ RÉGI...

ANTÓNIO COSTA, DEMITA-SE!

DESERTIFICAÇÃO...

Banner Publipt
arquivos

Outubro 2020

Maio 2020

Fevereiro 2019

Junho 2018

Abril 2018

Novembro 2017

Setembro 2017

Junho 2017

Abril 2017

Março 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Agosto 2015

Abril 2015

Março 2015

Janeiro 2015

Novembro 2014

Setembro 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

Janeiro 2004

Dezembro 2003

Novembro 2003

Outubro 2003

Setembro 2003

Agosto 2003

Julho 2003

Junho 2003

Maio 2003

Abril 2003

Março 2003

tags

todas as tags

favoritos

Dos sítios que valem a pe...

Fazer um cruzeiro: yay ou...

Hoje vou contar-vos uma h...

Boa Noite e Bom Descanso

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds
Em destaque no SAPO Blogs
pub