Domingo, 14 de Junho de 2009
Protests in Iran after ‘rigged’ elections
Via: IRAN FOCUSTehran, Iran, Jun. 14 – Iranians took to the streets on Saturday in the largest anti-government protest since the 1979 Islamic revolution. Massive demonstrations erupted in Tehran and other major cities and turned into hit-an-run clashes with State Security Forces throughout the day following the announcement that Mahmoud Ahmadinejad won re-election. The demonstrators believe the elections were rigged.IRAN42.jpgIRAN48.jpgIRAN50.jpg

tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 21:15
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 9 de Junho de 2009
BPP - BPN
Sabem qual a principal diferença entre o BPN e o BPP? É que o Cavaco Silva é cliente do primeiro...

Por isso, os dois pesos, duas medidas, deste governo.

tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 19:00
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 5 de Junho de 2009
EUROPEIAS - O MEU VOTO
OrlandoAlves.JPG

tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 17:41
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 4 de Junho de 2009
VOOS DA CIA
Num país dito de brandos costumes, mais uma vez os pulhas saíram branqueados. E será assim enquanto a maioria dos eleitores deixar.Para aqueles que neste caso mais lutaram para que os responsáveis fossem punidos, a minha solidariedade:RUI COSTA PINTOANA GOMES

tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 08:29
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 1 de Junho de 2009
EXCERTOS DA CONFERÊNCIA DO DR. PEDRO FERRAZ DA COSTA
Via: Democracia Liberalpedroferrazdacosta2.jpgO Dr. Pedro Ferraz da Costa, ex-presidente da Confederação da Indústria Portuguesa e presidente do Forum para a Competitividade, esteve esta de semana em Braga, a convite do Movimento Missão Minho, para proferir uma conferência subordinada ao tema, “ O Rumo da Economia Portuguesa”. Para Pedro Ferraz da Costa “a despesa pública e social cresceu, nos últimos anos, para níveis insustentáveis, tendo como consequência o endividamento do país face ao exterior, que quase triplicou, entre 2003 e 2007. Com este ritmo, as despesas com a saúde, educação e segurança absorverão a totalidade dos impostos no ano de 2020.”“ Não é sustentável, nem realista, nem sério, pensar que podemos continuar assim.” Por isso defendeu que o estado deve usar todos os mecanismos ao seu alcance para ajudar a economia portuguesa. Para o ex-presidente da CIP, “se Portugal não tiver capacidade para crescer ou para aumentar as exportações, ou alienamos património ou nos endividamos ainda mais. O endividamento externo passou de 7 mil milhões em 2003 para os 20 mil milhões em 2007. Os encargos da Dívida eram tradicionalmente pagos com as receitas do turismo, mas em 2007 estas já só conseguiram comportar 60 por cento dos juros”. Nos últimos anos, entre 1998 e 2005, o crescimento e melhoria das condições de vida dos portugueses foi, por isso, suportado pelo aumento de 80 mil milhões de endividamento das famílias e das empresas, por 30 mil milhões de fundos europeus e por 50 mil milhões de privatizações. Porém, o país preocupou-se em consumir sem cuidar de criar riqueza e aumentar a competitividade. Ferraz da Costa lembrou que Portugal já conseguiu ultrapassar com sucesso muito outros problemas e momentos mais ou menos dramáticos, nomeadamente aquando da adesão à EFTA, nos anos 60, o choque petrolífero, regresso dos portugueses das ex-colónias, o 25 de Abril, mas, agora, está em dificuldades para se aproximar dos restantes países da Europa. A economia não cresce o suficiente, pois apenas se consegue, em média, 1% ao ano, exceptuando-se os anos de 1985 a 1991, potenciados pelos fundos da adesão à CEE e pelo forte investimento estrangeiro. De 1994 a 2001, beneficiou e uma conjuntura favorável decorrente das baixas das taxas de juro, que fez disparar o consumo e o investimento. O presidente do Furom para a competitividade realçou que o estado tem um conjunto de instrumentos para apoiar a recuperação da economia, entre os quais a melhoria da educação, a formação, a reforma da justiça e do sistema fiscal, o combate à burocracia, à corrupção e a defesa da concorrência, fazendo baixar os custos de alguns bens essenciais, nomeadamente o gás, a electricidade e os transportes. A apresentação do conferencista foi feita pelo Dr. Manuel Monteiro, candidato a deputado apoiado pelo Movimento Missão Minho e pelo Dr. José Manuel Pereira, sócio gerente da empresa Bragaconta. Para Manuel Monteiro, a “verdade” apresentada pelo Dr. Pedro Ferraz da Costa contrata com a prática seguida pelos diversos governos “escondendo os factos e continuando a empurrar o lixo para debaixo do tapete, sem que ninguém tenha a coragem e dizer a verdade aos portugueses e saber como é que depois das eleições o país vai continuar a sustentar esta situação”. Manuel Monteiro desafiou o Dr. Pedro Ferraz da Costa a “assumir responsabilidades políticas de maior relevo, para bem de Portugal, por se tratar de “um homem vertical e independente, capaz de dizer as verdades e pôr o dedo da ferida”. Na resposta, o conferencista afirmou que é importante a eleição de um deputado independente dos partidos políticos para melhor defender os interesses da região.

tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 09:00
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Fevereiro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28


posts recentes

CHRIS GEOFFROY - A última...

BOLIVAR LUSÍADAS PROTAGON...

ANTÓNIO MEXIA - É SÓ COIN...

PROGRESSIVIDADE FISCAL

MENINAS E MENINOS DE OURO

CÂNTICO NEGRO - JOSÉ RÉGI...

ANTÓNIO COSTA, DEMITA-SE!

DESERTIFICAÇÃO...

MONUMENTO DE HOMENAGEM AO...

O ASTÉRIX QUE SE CUIDE!

Banner Publipt
arquivos

Fevereiro 2019

Junho 2018

Abril 2018

Novembro 2017

Setembro 2017

Junho 2017

Abril 2017

Março 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Agosto 2015

Abril 2015

Março 2015

Janeiro 2015

Novembro 2014

Setembro 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

Janeiro 2004

Dezembro 2003

Novembro 2003

Outubro 2003

Setembro 2003

Agosto 2003

Julho 2003

Junho 2003

Maio 2003

Abril 2003

Março 2003

tags

todas as tags

favoritos

Dos sítios que valem a pe...

Fazer um cruzeiro: yay ou...

Hoje vou contar-vos uma h...

Boa Noite e Bom Descanso

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds