Sábado, 22 de Setembro de 2012
UMA LENTA AGONIA

Escrevi este texto em Novembro de 2010, portanto há quase dois anos! Desde então tudo piorou. Do texto só uma linha não está actual!

 

Apesar das manifestações, os resultados das sondagens indiciam claramente que os portugueses continuam a esperar que os mesmos comportamentos de sempre tenham resultados diferentes do que tiveram no passado, continuando a acreditar piamente que são os responsáveis (à vez) do estado do país, que o vão salvar no futuro!

 

UMA LENTA AGONIA.

 

É esta a situação vivida por larguíssimos milhares de portugueses que vão “vivendo” a vida dia-a-dia sem quaisquer perspectivas de futuro.  

 

Os empresários sem saberem se no dia seguinte vão conseguir honrar os seus compromissos nas empresas que detêm, os trabalhadores sem saberem se ainda vão ter emprego, se vão ter dinheiro suficiente para pagar a prestação ou a renda da casa, restringindo cada vez mais as suas despesas; muitos sem saberem sequer se vão conseguir ter dinheiro para dar de comer à família.  

 

E milhares e milhares que já chegaram a um ponto de desespero e desânimo total. Mais de 600.000 desempregados, grande parte de cada vez mais longa duração e sem subsídio de desemprego, mais algumas centenas de milhares reformados a receber duas ou três centenas de euros por mês que têm de dar para comer e para os remédios... (um parêntese apenas para frisar que triste país este que trata os seus anciães da forma que vemos)  

 

Ao mesmo tempo, temos uma classe política que na sua generalidade está perfeitamente “nas tintas” para a situação de que é principal responsável (sendo é verdade co-responsáveis os que neles votaram e continuam a fazer). Uma classe política que vai continuando na senda da política rasteira perfeitamente indiferente às consequências para o povo do seu comportamento. Uma classe política que declara estar a fazer tudo para propiciar a saída da crise mas que pelo seu comportamento irresponsável vai agravando a situação diariamente! Uma classe política que diz estar muito preocupada mas permite que aqueles que colocou no poder em empresas e organismos públicos continuem a gastar à “tripa-forra” esbanjando milhares e milhares de euros em ordenados pornográficos sem qualquer contrapartida visível a nível do trabalho desenvolvido, em despesas ditas de representação, em festas e outras encomendas que, sejamos claros, lhes rendem pessoalmente e aos partidos de que fazem parte boas comissões. E por essa razão, e só por ela, não são cortadas mesmo em tempos de aperto. Uma classe política que está de tal maneira desligada do país real que nem sequer compreende o mal que faz com a permanente gincana política. Como pequeno empresário, sei bem do que falo - a cada episódio da crise política e das suas possíveis consequências na economia no telejornal das 20 h correspondem mais faltas e desmarcações de clientes logo nos dias seguintes!  

 

E temos um governo que diz estar preocupado com a situação mas mostra uma incapacidade total para diminuir a despesa, isto dando já o benefício da dúvida de haver sequer essa vontade… Um governo que diz tomar medidas de apoio às empresas mas depois não paga o que prometeu atempadamente. Um governo que deita as culpas do resultado da sua inoperância para cima de uns abstractos “especuladores”. Um governo que mantém a despesa pública em níveis elevados estrangulando assim as hipóteses das pequenas empresas terem acesso ao crédito (a este propósito sabiam que a maioria dos bancos já não empresta nada a micro-empresas, nem sequer havendo crédito bonificado e com garantia oficial de 50% dos montantes?). Um governo minoritário que chantageia o principal partido da oposição, tentando de forma quase ditatorial impor as suas políticas, que claramente têm ajudado a afundar mais o país.  

 

Um Estado caloteiro que demora dez meses, um ano e por vezes mais a pagar o que encomendou sem qualquer penalização enquanto o contribuinte que se atrasa um dia que seja nas suas obrigações tem logo coimas, juros e outras penalizações em cima.  

 

Uma sociedade onde se aceita perfeitamente que alguns, por subterfúgios e trafulhices várias (sejam elas licenciaturas concluídas ao domingo, novas oportunidades de obter diplomas académicos com facilidade ou apenas cargos principescamente pagos propiciados pela detenção do cartão de militante do partido no poder), ascendam socialmente com a maior das facilidades enquanto quem se esforçou a trabalhar e a estudar não sai da cepa-torta!  

 

E os portugueses, em vez de se revoltarem, limitam-se a ir criticando na rua e a fazerem umas greves sem consequências, mas na hora da verdade acabam a votar nos mesmos de sempre! Até quando?  

 

ACORDEM!  

 

João Carvalho Fernandes


tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 18:57
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 17 de Setembro de 2012
A sempre actual fábula do sapo e do escorpião

O escorpião aproximou-se do sapo que estava à beira do rio. Como não sabia nadar, pediu boleia para chegar à outra margem. Desconfiado, o sapo respondeu: "Ora, escorpião, só se eu fosse tolo demais! Você é traiçoeiro, vai-me picar, soltar o seu veneno e eu vou morrer. "

 

Mesmo assim o escorpião insistiu, com o argumento lógico de que se picasse o sapo ambos morreriam. Com a promessa de que poderia ficar tranquilo, o sapo cedeu, acomodou o escorpião nas suas costas e começou a nadar. Durante a travessia do rio, porém o sapo sentiu a picada mortal do escorpião.

 

“Por que você fez isso, escorpião? Agora nós os dois vamos morrer afogados! - disse o sapo.

 

E o escorpião respondeu friamente: - Porque essa é a minha natureza!

 

 

 

MORAL DA ESTÓRIA:

 

Mais cedo ou mais tarde, todos os que confiaram em Paulo Portas foram por este traídos. Foi assim com Manuel Monteiro, com Marcelo Rebelo de Sousa e está a ser assim com Pedro Passos Coelho. E também foi assim com os eleitores, mas este já provaram serem os mais fáceis de enganar...



publicado por João Carvalho Fernandes às 14:23
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
29
30


posts recentes

BOLIVAR LUSÍADAS PROTAGON...

ANTÓNIO MEXIA - É SÓ COIN...

PROGRESSIVIDADE FISCAL

MENINAS E MENINOS DE OURO

CÂNTICO NEGRO - JOSÉ RÉGI...

ANTÓNIO COSTA, DEMITA-SE!

DESERTIFICAÇÃO...

MONUMENTO DE HOMENAGEM AO...

O ASTÉRIX QUE SE CUIDE!

CHURCHILL - WE SHAL FIGHT...

Banner Publipt
arquivos

Junho 2018

Abril 2018

Novembro 2017

Setembro 2017

Junho 2017

Abril 2017

Março 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Agosto 2015

Abril 2015

Março 2015

Janeiro 2015

Novembro 2014

Setembro 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

Janeiro 2004

Dezembro 2003

Novembro 2003

Outubro 2003

Setembro 2003

Agosto 2003

Julho 2003

Junho 2003

Maio 2003

Abril 2003

Março 2003

tags

todas as tags

favoritos

Hoje vou contar-vos uma h...

Boa Noite e Bom Descanso

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds