Quinta-feira, 1 de Abril de 2004
DEPOIS DA AMÉRICA, OS TALIBAN CHEGAM À EUROPA (Act.)
Fumo dois charutos por semana. Nunca ao pé dos outros.Não gosto que fumem ao pé de mim.Mas acho uma perfeita cretinice o que se passava nos Estados Unidos e agora na Irlanda, com uma verdadeira perseguição fundamentalista aos fumadores. São iguaizinhos aos taliban!Se há interessados nisso, porque proibir a existência de espaços para fumadores?E noutras áreas, já cá há seguidores: desde um imbecil que é deputado que quer por decreto (!) diminuir o sal na comida (e não é 1º de Abril!), até uma DECO que exige que os ingredientes dos doces sejam definidos por legislação (também não é 1º de Abril)!Esclarecimento:Não estou a defender (antes pelo contrário) que se fume livremente em qualquer lugar, estou é contra proibições totais, como se passa nos dois países indicados!

tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 21:24
link do post | comentar | favorito

14 comentários:
De zeze a 14 de Abril de 2004 às 23:23
é uma questão de tempo, até que a civilização chegue.


De NunoP a 2 de Abril de 2004 às 17:07
Concordo totalmente consigo João, mas volto a frisar que a lei irlandesa prevê espaços próprios para o fumo. É proibido o fumo é em recintos fechados de acesso geral. Não me escandalizaria nada que passassem a existir "Clubes de Fumo", ou seja, bares e restaurantes específicos para fumadores ou para quem não se importa de levar com o fumo.
Agora compreendam que nós não fumadores também devemos ter o direito de não levar com o fumo dos outros...
A liberdade de uns acaba onde começa a liberdade dos outros e para lidar com as zonas de conflito é necessário compreensão e tolerância. Os direitos dos fumadores não são nem mais nem menos importantes que os dos não fumadores, pelo que têm que ser encontradas soluções de consenso.


De Bruno Costa a 2 de Abril de 2004 às 15:27
Caro João Carvalho Fernandes, eu sei que não falou no caso Português mas falei eu porque é aquele que me interessa. Vejo, em vários locais ( televisão, jornais, blogs, etc.), a indignação com as medidas extremas que são tomadas nos EUA e na Irlanda um pouco como uma forma de desviar o assunto do nosso país onde a situação está no outro extremo. O mesmo se aplica em muitos outros campos da nossa sociedade em que depressa nos indignamos ou agimos com algo que está a acontecer num sítio que nos é totalmente estranho, como ter tropas no Kosovo, quando há problemas urgentes na nossa casa. É a situação em Portugal que me interessa e não na distante (para mim) Irlanda. PS: nos EUA não há uma proibição total ao nível do país, apenas ao nível de certas cidades.


De João Carvalho Fernandes a 2 de Abril de 2004 às 14:42
Por mim, é onde não for possível separação, é proibido! O que é bem diferente de proibição indiscriminada!


De BIS a 2 de Abril de 2004 às 14:19
então deparamo-nos com uma dificuldade prática: dividir zonas f/nf. num restaurante, é possível; num bar, difícil; numa faculdade, impossível. Soluções à vista?


De Marco Oliveira a 2 de Abril de 2004 às 12:39
Já agora, aproveito o tema para pedir que não fumem quando visitarem o meu blog.
Tenho imensos comentários cheios de fumo e até já encontrei beatas nos links!
:-)


De João Carvalho Fernandes a 2 de Abril de 2004 às 12:35
Mas eu falei em Portugal, no que se refere ao tabaco? Eu até disse que não gosto que fumem ao pé de mim (o que aliás também não faço ao pé dos outros...).

Agora não aceito é qualquer das posições fundamentalistas: proibição total ou permissão total de fumar!


De Bruno Costa a 2 de Abril de 2004 às 11:30
Meus caros, quem é que é perseguido neste país: os fumadores ou os não fumadores? Eu não fumo e considero-me perseguido, seja no cais do metro onde se fuma mas é proibido, seja no centro comercial onde almoço e tenho que levar com fumo de alguém que está ao meu lado e deixa o cigarro arder lentamente na sua mão enquanto eu como, seja num simples jantar de natal de empresa onde chego a casa como se tivesse passado a noite num bar, seja pela minha médica de família que me pergunta, ao olhar para uma radiografia, se eu fumo muito, ou quando andei na faculdade onde o espaço de refeições parecia uma chaminé industrial. Os exemplos de perseguição são intermináveis. Não se trata de proibir o fumo mas sim de proibir que no exercício de uma opção individual se esteja a provocar um mal colectivo. A questão do sal é exactamente igual. Os AVC são uma das principais causas de morte em Portugal. Podia-se começar por simplesmente diminuir o sal no pão. Não alterava o sabor e tinha um efeito benéfico na saúde da população. Quem gosta do sal pode optar pelo sal mas porque é que todos temos de levar com o pão fabricado com doses industriais de sal? Além disso até que ponto o Estado pode ser cúmplice desse exercício das liberdades individuais, como fumar, quando isso representa uma factura enorme no serviço nacional de saúde (e não adiante mencionar o dinheiro que pagam em impostos os fumadores porque os custos a longo prazo no sistema de saúde são incalculáveis. Quem é que são os fundamentalistas?


De P a 2 de Abril de 2004 às 03:09
É muito perigoso perseguir os fumadores como perseguir qualquer grupo. Nunca fumei, sou asmático e faz-me imensamente mal o fumo alheio - embora me sinta inebriado pelo aroma de certos tabacos, que a minha ignorância é incapaz de identificar. De qualquer modo, é uma das muitas subtis (ou menos) formas de domesticação do nosso tempo essa de punir e impedir os fumadores. Sou pelo "apartheid" neste caso: zonas para fumadores e para não fumadores... Mas permitindo-lhes que dêem largas em alguns espaços não a um vício, mas a um prazer... Começamos a proibir o tabaco, amanhã que se seguirá?


De Planície Heróica a 2 de Abril de 2004 às 02:05
Os proselitismos, se quisermos, os fundamentalismos, voltaram a estar na moda...

um abraço,
Francisco Nunes


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


posts recentes

Testamento - Virgilio Piñ...

VISITA VIRTUAL AO TÚMULO ...

CHRIS GEOFFROY - A última...

BOLIVAR LUSÍADAS PROTAGON...

ANTÓNIO MEXIA - É SÓ COIN...

PROGRESSIVIDADE FISCAL

MENINAS E MENINOS DE OURO

CÂNTICO NEGRO - JOSÉ RÉGI...

ANTÓNIO COSTA, DEMITA-SE!

DESERTIFICAÇÃO...

Banner Publipt
arquivos

Outubro 2020

Maio 2020

Fevereiro 2019

Junho 2018

Abril 2018

Novembro 2017

Setembro 2017

Junho 2017

Abril 2017

Março 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Agosto 2015

Abril 2015

Março 2015

Janeiro 2015

Novembro 2014

Setembro 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

Janeiro 2004

Dezembro 2003

Novembro 2003

Outubro 2003

Setembro 2003

Agosto 2003

Julho 2003

Junho 2003

Maio 2003

Abril 2003

Março 2003

tags

todas as tags

favoritos

Dos sítios que valem a pe...

Fazer um cruzeiro: yay ou...

Hoje vou contar-vos uma h...

Boa Noite e Bom Descanso

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds
Em destaque no SAPO Blogs
pub