Quarta-feira, 9 de Março de 2005
CUBA - EL CALVARIO DE HÉCTOR MASEDA GUTIÉRREZ
via: Unión Liberal CubanaPor Armando AñelEn momentos en que la Unión Europea vuelve a sentarse a la mesa de negociaciones con La Habana -mesa vestida y servida por el castrismo, negociaciones maduradas y mediatizadas por el castrismo-, la represión contra la oposición pacífica cubana no deja de incrementarse. Uno de los últimos informes llegados desde la isla denuncia las presiones ejercidas sobre el presidente del Partido Liberal Democrático de Cuba (PLDC), Héctor Maseda Gutiérrez, condenado a 20 años de cárcel durante la llamada Primavera Negra de 2003. A sus 62 años —prácticamente lo han condenado a cadena perpetua— Maseda ha sido trasladado a una celda de "seguridad incrementada" de la prisión conocida como "El Pre", donde permanece semidesnudo a pesar de las bajas temperaturas reinantes. El preso de conciencia, que debido a las lamentables condiciones higiénicas del penal ha contraído una enfermedad de la piel, permanece plantado en protesta por las vejaciones de que es objeto, esto es, sin aceptar alimentos o visitas de sus familiares desde septiembre pasado. Así, el presidente del PLDC ha debido sufrir el trato discriminatorio y las requisas intempestivas de las autoridades penitenciarias, que ya le ocuparon varios capítulos del libro que escribía. Y sin embargo, desde hace meses, conscientes de que la opinión pública internacional obstaculiza una represión más directa sobre algunos reos de conciencia, los carceleros de Maseda han recurrido a formas de presión adicionales, más tortuosas y seguramente más inhumanas, por el estilo de las que sus gobernantes aplican, alternativamente, dentro y fuera de Cuba. Laura Pollán, esposa del prisionero político, ha descrito a la agencia de noticias Cubanet algunas de estas técnicas: "Entre los presos comunes han hecho correr el rumor de que Maseda es un soplón —dice Pollán, a quien en su momento la Seguridad del Estado cubana le colocara escuchas en el teléfono— y para lograrlo los agentes de cárceles y prisiones utilizan como método sacarlo de la celda y luego, cuando lo regresan, esos mismos guardias se llevan para la celda de castigo a un preso común acusado de violar lo establecido (...) En una carta que me enviara, señala que dado el poco grado cultural de algunos de los presos comunes, en su mayoría condenados a largas penas de cárcel por asesinato o robo, han logrado sembrar la duda, y es por eso que ahora Maseda se niega a salir a ningún lado". No contentos con ello, los carceleros "han asegurado a los presos comunes que, para poder ganar algún beneficio, Maseda debe participar en todas las actividades, o de lo contrario los demás reos no recibirán pabellones conyugales de hasta doce horas, o visitas extras a fines de trimestre".Que la miseria moral del castrismo no conoce límites, parece una redundancia. Que la integridad moral y la tremenda valentía de este liberal convencido, ingeniero, investigador, destacado periodista y hombre de una curiosidad intelectual insaciable, están fuera de toda duda, constituye un lugar común. Que mientras lo anterior es de conocimiento público funcionarios europeos en La Habana, más frescos que la lechuga, comparten mesa con los carceleros de Héctor Maseda, desechando las sanciones con que en su momento reaccionaran a la sistemática violación de los derechos humanos en Cuba, resulta incalificable. Un gesto que vuelve a demostrar, por si hiciera alguna falta, la precariedad de la Unión Europea como referente político.* Para El Iberoamericano, Madrid / Marzo 2, 2005

tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 08:08
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Fevereiro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28


posts recentes

CHRIS GEOFFROY - A última...

BOLIVAR LUSÍADAS PROTAGON...

ANTÓNIO MEXIA - É SÓ COIN...

PROGRESSIVIDADE FISCAL

MENINAS E MENINOS DE OURO

CÂNTICO NEGRO - JOSÉ RÉGI...

ANTÓNIO COSTA, DEMITA-SE!

DESERTIFICAÇÃO...

MONUMENTO DE HOMENAGEM AO...

O ASTÉRIX QUE SE CUIDE!

Banner Publipt
arquivos

Fevereiro 2019

Junho 2018

Abril 2018

Novembro 2017

Setembro 2017

Junho 2017

Abril 2017

Março 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Agosto 2015

Abril 2015

Março 2015

Janeiro 2015

Novembro 2014

Setembro 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

Janeiro 2004

Dezembro 2003

Novembro 2003

Outubro 2003

Setembro 2003

Agosto 2003

Julho 2003

Junho 2003

Maio 2003

Abril 2003

Março 2003

tags

todas as tags

favoritos

Dos sítios que valem a pe...

Fazer um cruzeiro: yay ou...

Hoje vou contar-vos uma h...

Boa Noite e Bom Descanso

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds