Terça-feira, 24 de Março de 2015
Vírus Laranja ataca Mamadeira e Manuel Bexiga prepara Fuga para Jersman

 

 

 

 


tags: ,

publicado por João Carvalho Fernandes às 21:49
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 23 de Março de 2015
O PS das negociatas e da corrupção já está aflito!

HenriqueNeto.jpg

Para Henrique Neto, ser insultado por um pulha como Santos Silva só pode ser motivo de regojizo - o PS das negociatas ficou logo aflito!

 

Com a devida vénia ao Observador:

Socialistas preocupados com candidatura de Henrique Neto

 

Augusto Santos Silva chama "bobo" a Henrique Neto e lamenta "dispersão de votos à esquerda". Candidatura apanhou de supresa direção de António Costa. "É um Beppe Grillo", diz Lello.

Apanhados de surpresa pela candidatura de Henrique Neto, os socialistas reagem com preocupação à possível proliferação de candidatos presidenciais à esquerda, enquanto o candidato mais esperado, António Guterres, não se decide e deixa em suspenso o PS. O secretário-geral António Costa não sabia de nada, também foi apanhado de surpresa, sabe o Observador. Na quarta-feira, dia em que Henrique Neto apresenta a candidatura no Padrão dos Descobrimentos, Costa está no Vaticano, onde vai ser recebido pelo Papa.

Augusto Santos Silva reagiu de uma forma muito crítica. Pondo a candidatura presidencial de Henrique Neto e a candidatura às legislativas de Joana Amaral Dias no mesmo saco, classificou-os de “bobos” e de apenas quererem “15 minutinhos de fama”, alertando para “a enorme dispersão de votos à esquerda”.

 

“Tenho muito que trabalhar hoje, escusava o destino de me lembrar que continuo sem candidato presidencial, que corro o risco de brindar a direita com uma enorme dispersão de votos à esquerda e que, sempre que os responsáveis se resguardam, os bobos ocupam a cena”, escreveu.

Segundo este ex-ministro de Sócrates, há “dois problemas bicudos pela frente: falta ao centro-esquerda um candidato presidencial forte e mobilizador de toda a sua base eleitoral, e não apenas de uma sua franja, por mais vocal que ela seja; e a restante esquerda embarcou numa alegre grupuscularização sem fim à vista”.

“É isto que sucede quando as pessoas capazes se fecham em copas e os eleitores dão sinais de imoderação: surgem logo todos quantos aproveitam qualquer oportunidade para quinze minutinhos de fama”, acrescentou.

Esta análise mereceu o apoio de vários socialistas no Facebook, um deles é a ex-secretária de Estado da Modernização Administrativa de Sócrates, Maria Manuel Leitão Marques. Contactada pelo Observador, a socialista disse concordar com as palavras de Santos Silva, mas não quis acrescentar mais nenhum comentário. Um outro ex-governante de Sócrates questiona em declarações ao Observador a “credibilidade” de Henrique Neto. “Desconfio logo dessas pessoas que dizem que vêm dos bons costumes”, afirmou.

O socrático José Lello também reagiu com veemência no Facebook: “Henrique Neto candidato à Presidência? O Beppe Grillo português! Como se vota contra, afirmativamente?…”

“É uma candidatura manifestamente extemporânea. Não me parece que tenha hipóteses de discutir as presidenciais nem vai colher o apoio do partido. O próprio fez questão de avançar sem procurar consultar o PS”, sublinha o deputado Filipe Neto Brandão. Sérgio Sousa Pinto, próximo de António Costa, fugiu ao assunto. “Não falo sobre isso”, limitou-se a responder ao Observador.

O ex-secretário de Estado do Comércio de Sócrates, Fernando Serrasqueiro, por seu lado, não acredita na concretização desta candidatura. “Acho que isto é uma manifestação de interesse para abrir espaço noticioso, um espaço onde ele gosta de se movimentar”, afirmou ao Observador, acrescentando ter dúvidas que a candidatura avance e consiga reunir assinaturas. De qualquer modo: “Nele não votarei independentemente de que sejam os outros candidatos. Não tem condições para ser um candidato para servir Portugal”.

Francisco Seixas da Costa, ex-secretário de Estado dos Assuntos Europeus num Governo, gostou do avanço de Henrique Neto, por considerar ter tido uma atitude “corajosa e nobre” e deseja-lhe “um valente combate”, embora deixe claro que não será apoiante desta candidatura.

“Com 78 anos, um passado digno de anti-fascista, “self-made man”, industrial, homem de palavra frontal, Henrique Neto não é um homem “fácil”. Tem ideias próprias, diz sempre o que pensa e di-lo com palavras fortes, às vezes ácidas. No seio do Partido Socialista, ao olhar para as últimas décadas, verifica-se que quase sempre foi uma figura incómoda, incontrolável, crítica”, escreveu no Facebook. “Deixo daqui um sincero abraço de simpatia pessoal a Henrique Neto, pessoa que me merece respeito, com quem tenho trocado impressões esparsas e francas, ao longo destes anos. Um respeito que é agora reforçado pela coragem que teve para entrar nesta aventura, a qual nem por ser impossível deixa de ser nobre. Estarei algures, mas só lhe posso desejar um valente combate”, acrescenta.

 

 



publicado por João Carvalho Fernandes às 19:51
link do post | comentar | favorito

Sábado, 27 de Setembro de 2014
POBRE PAÍS

Que vai ter como alternativa à esquerda um fala barato aldrabão (que em Lisboa oculta as contas e mostra bastas vezes a sua incompetência) ou eventualmente um mole que só age quando extremamente apertado (já se devia ter desmarcado do Sócrates há 3 anos).

 


tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 10:14
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 21 de Março de 2014
AS ELEIÇÕES EUROPEIAS DA NOSSA PEQUENEZ

 

 

Nunca como nestas eleições europeias houve condições para a eleição de deputados de centro-direita que não acreditam nesta Europa, nem no federalismo, mas sim numa Europa de Nações.

 

No entanto, colocando tricas e interesses pessoais acima do interesse nacional e da sua defesa no Parlamento Europeu, PPM, PND, MPT, PPV e PDA, em vez de se juntarem tentando aglutinar o maior número de independentes e de descontentes com o rumo seguido, preparam-se para apresentar cada um a sua lista, condenando à partida qualquer hipótese de uma voz portuguesa diferente do “status quo” na Europa.

 

É muito triste, mas condiz com a mentalidade provinciana prevalente em Portugal!


tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 19:09
link do post | comentar | favorito

Domingo, 10 de Novembro de 2013
OS DESMANDOS DO PARTIDO SOCIALISTA NA CÂMARA DE TOMAR, À CONTA DO ERÁRIO PÚBLICO



 

Os eleitores de Tomar decidiram recentemente eleger o Partido Socialista para a Câmara Municipal. Até aqui tudo bem... 

E quais são algumas das primeiras decisões da presidente eleita, quando haveria tantos problemas para resolver e onde gastar dinheiro?... 

Contratar o marido/companheiro ou lá o que é, para assessor - PAGA, CONTRIBUINTE  

Despedir quatro altos funcionários da Câmara, presumivelmente por falta de confiança política (devem ser militantes do PSD...) e todos com direito a indemnizações - PAGA, CONTRIBUINTE  

E dentro da política de geração de emprego deste partido, já se fala que os quatro despedidos serão substituídos por, pelo menos, meia dúzia de novos altos funcionários - PAGA CONTRIBUINTE  

Foi essencialmente por este tipo de "política" que o PS já chamou três vezes o FMI. Mas está visto que não têm emenda!

tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 09:51
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Sábado, 19 de Outubro de 2013
A INDIGNAÇÃO DO MOMENTO

O facto de alguns estrangeiros constatarem que se o Tribunal Constitucional chumbar algumas medidas do orçamento, estamos lixados, tem sido alvo de grande controvérsia e escândalo por parte de alguns.

 

Talvez devessem ter pensado nisso antes de esbanjar dinheiro de forma irresponsável e fomentando a corrupção.

 

E se pensam assim, nunca deveriam ter aceite a seguinte frase do memorando que subscreveram com a troika: "Se os objectivos não forem cumpridos ou for expectável o seu não cumprimento, serão adoptadas medidas adicionais."

 

Agora é tarde para se queixarem!


tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 09:36
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 18 de Setembro de 2013
A notícia que todos os jornais de Lisboa omitiram

 

http://www.jornalacores9.net/nacional/plataforma-de-cidadania-quer-que-candidatos-a-lisboa-opinem-sobre-swap/

 

 

“Plataforma de Cidadania” quer que candidatos a Lisboa opinem sobre ‘swap’

O candidato da coligação “Plataforma de Cidadania” à Câmara de Lisboa, Nuno Correia da Silva, desafiou hoje os outros candidatos à capital a pronunciarem-se sobre os contratos ‘swap’ firmados pelo Metropolitano e pela Carris

 

“Desafio todos os candidatos à Câmara de Lisboa a manifestarem a sua opinião acerca dos ‘swap’ contratualizados pelo Metro de Lisboa e pela Carris. Além de serem ruinosos, são nulos, pois os seus gestores não tinham competências para fazer este tipo de contratos”, disse à agência Lusa Nuno Correia da Silva, que encabeça a lista do movimento que junta os partidos Popular Monárquico (PPM), Portugal Pró Vida (PPV) e Nova Democracia (PND).

 

O candidato da “Plataforma de Cidadania” acrescentou, durante uma ação de campanha junto à estação do metro de Telheiras, que a empresa negociou contratos ‘swap’ no valor “irracional de 1.500 milhões de euros”, enquanto a Carris “firmou contratos de 100 milhões de euros”.

Para Nuno Correia da Silva, os ‘swap’ contratualizados pelas duas empresas de transportes públicos de Lisboa “serviram para satisfazer interesses estranhos e não as pessoas”. Apesar de surgirem notícias sobre a alegada destruição de documentação relativa a este assunto, o candidato pede para que “sejam apuradas responsabilidades”.

 

Nuno Correia da Silva defendeu ainda a “municipalização” do Metropolitano de Lisboa e da Carris, considerando que a gestão das duas empresas devia passar para a alçada da câmara lisboeta.

 

Em relação aos resultados e às expectativas para as eleições autárquicas de 29 de setembro, o cabeça de lista espera eleger elementos “em todas as assembleias municipais e freguesias”.

 

O candidato disse ainda ter “fortes esperanças” de que o movimento “ganhe as freguesias de Arroios e Belém”.


tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 01:42
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 14 de Agosto de 2013
Plataforma de Cidadania defende que a requalificação deve incidir sobre quem entrou por via partidária

 

A Plataforma de Cidadania defende que o sistema de requalificação só deve incidir sobre os funcionários públicos que entraram por via partidária. Esta coligação, que concorre à câmara de Lisboa pediu hoje ao Provedor de Justiça que intervenha no sentido de impedir que seja dispensado quem entrou por concurso público.

tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 23:10
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 9 de Agosto de 2013
PETIÇÃO Auditoria aos ingressos na Função Pública e suspensão do regime de mobilidade
Auditoria a todos os ingressos na função pública e suspensão da aplicação do regime da mobilidade até serem apuradas todas as irregularidades.

1. Considerando que nos últimos 25 anos o número de funcionários públicos aumentou cerca de 65%, correspondendo a mais 300.000 funcionários.
 2. Considerando que a admissão na função pública está regulada e exige que seja feita por concurso público (Lei n.º 12-A/2008, de 27 de Fevereiro, Artigos 50.º a 54.º e Portaria n.º 83-A/2009, de 22 de Janeiro, alterada pela Portaria n.º 145-A/2011, de 6 de Abril)
3. Considerando que no mesmo período o número de concursos públicos corresponde, aproximadamente, a apenas 25% dos funcionários admitidos;
4. Considerando que está assumido, pelo actual Governo e pelos partidos que o suportam, que irá ser aplicado o regime de mobilidade que conduzirá ao despedimento de milhares de funcionários;
5. Considerando que o regime de mobilidade no modelo proposto não considera o processo de ingresso dos funcionários, permitindo, por isso, abrir uma gigantesca porta á injustiça ao permitir que sejam dispensados funcionários regularmente admitidos em benefício de funcionários admitidos sem concurso;
A Plataforma de Cidadania, movimento que suporta candidaturas a todos os órgãos autárquicos de Lisboa, lança esta petição para travar uma das maiores injustiças da nossa história recente. O apuramento que se solicita é, talvez, um processo trabalhoso mas é simples, basta fazer a correspondência entre a data de admissão de cada funcionário e a data dos concursos públicos efectuados. Acreditamos que este procedimento servirá a justiça e honrará o Estado de Direito, os partidos do arco da irresponsabilidade colocaram milhares de amigos por processos irregulares e, agora que o orçamento não chega para todos, preparam-se para fazer sair quem entrou regularmente. É tempo de dizer basta a tanta injustiça. É na indiferença que a injustiça encontra o seu alimento, contamos, por isso com o seu apoio, assine e divulgue esta petição

PLATAFORMA DE CIDADANIA
ASSINAR Petição


publicado por João Carvalho Fernandes às 12:34
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 24 de Julho de 2013
VALHA-NOS A TROIKA!

Valha-nos a Troika para limitar as negociatas, que nesta remodelação quem o tentava fazer foi posto a andar. E substituído por indivíduos capazes de vender a mãe por um cêntimo!


tags:

publicado por João Carvalho Fernandes às 18:40
link do post | comentar | favorito


mais sobre mim
pesquisar
 
Fevereiro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28


posts recentes

PROGRESSIVIDADE FISCAL

ANTÓNIO COSTA, DEMITA-SE!

UM FERRARI PARA TODOS

WELL DONE, MR FARAGE!

UMA ESCOLHA ESCANDALOSA

OS PORTUGUESES DE PRIMEIR...

Para alguns é sempre a so...

É fácil...

MAIS UM ALDRABÃO

UMA NOVA CONSTITUIÇÃO

Banner Publipt
arquivos

Fevereiro 2019

Junho 2018

Abril 2018

Novembro 2017

Setembro 2017

Junho 2017

Abril 2017

Março 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Agosto 2015

Abril 2015

Março 2015

Janeiro 2015

Novembro 2014

Setembro 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

Janeiro 2004

Dezembro 2003

Novembro 2003

Outubro 2003

Setembro 2003

Agosto 2003

Julho 2003

Junho 2003

Maio 2003

Abril 2003

Março 2003

tags

todas as tags

favoritos

Dos sítios que valem a pe...

Fazer um cruzeiro: yay ou...

Hoje vou contar-vos uma h...

Boa Noite e Bom Descanso

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds